Talent  | 21.05.2013 | Luciane Bohrer

Christopher Moro: habilidade incomum
e-mail

comentarios

4181
.


Talento, às vezes, é nato, às vezes é adquirido. No caso de Christopher Moro, parte de suas habilidades foram desenvolvidas com muito esforço e determinação. Desde criança, esse australiano sonhava em morar em Paris e frequentar uma badalada faculdade de moda. Hoje, aos 25 anos, ele está na lista de novos talentos revelados pela Vogue, o que é talvez, metade do caminho profissional que trilhou para si mesmo.

Ter o seu trabalho selecionado pela Vogue entre tantos croquis analisados foi uma grata surpresa para Christopher Moro. Radicado há alguns anos na França e completamente adaptado à cidade e ao requinte parisiense, o jovem estilista encontrou tempo entre o seu estágio na grife Balenciaga e as aulas do final da graduação no Institut Français de la Mode para fazer  uma coleção especial. As peças que Moro desenvolveu lembram esculturas, ou partes de projetos de arquitetura transformados e roupas e calçados. Confira nesta entrevista, o início de uma trajetória de um novo promissor estilista.
 
Porque estudar no Institut Français de la Mode?
Eu decidi entrar no Institut de la Mode porque queria me mudar para Paris e queria uma chance de entrar na indústria da moda de luxo. Me inscrevi online e passei por um processo difícil de avalição e questionários. Fiz vídeos de apresentação e tínhamos que apresentar um vestido que fosse inédito – e criação própria, claro – além de um portfólio com toda nossa bagagem de criações.

Seus sapatos e suas roupas estão bem interligados. Como surgiu essa interação entre as peças? É algo que você pretende manter?
Nessa coleção, eu pensei em fazer algo sincronizado. Estava explorando formas orgânicas e fluídas na época. Eu gosto de coleções que vão se desenvolvendo, que mostram evolução. Aquela foi uma coleção única, mas eu tenho algumas características exploradas nela que, certamente, vão aparecer nas próximas criações. O desafio é fazer coisas diferentes e é isso que busco. Cada estação deve trazer uma coleção ainda mais interessante.

Como você faz para trabalhar a unidade da coleção?
Calçados e roupa são muito diferentes. Com sapatos você precisa pensar no apoio que a pessoa vai ter ao caminhar, você se preocupa com a viabilidade do projeto que envolve muitos cálculos, especialmente se o produto tiver salto ou plataforma. São muitos detalhes técnicos que envolvem o resultado. Um sapato é mais do que um objeto. As roupas vêm depois. São mais livres, se comparadas aos calçados.

Nos produtos dessa coleção, as cores são bem discretas. Como você explora as cores nas suas coleções?
Eu queria me concentrar na silhueta, nas formas e na textura. Não queria usar cores fortes que tirariam a pureza da coleção. Com a coleção completa, cada olhar dá o seu próprio peso no tom. As tonalidades mais claras permitem uma mensagem pura e forte da modelagem, dos cortes e das costuras. Assim, as pessoas podem realmente se concentrar nos detalhes de cada criação, sem se distrair com as cores.

Quem veste e calça suas peças?
Uma mulher muito confiante, que conhece o seu próprio estilo e que sabe o que gosta de usar. Os looks fotografados para o meu lookbook são peças bem de passarela, mas eu posso vê-los em mulheres usando na estreia de peças de teatros ou de filmes e em eventos e ocasiões especiais. Eles dão à mulher uma forte abordagem de moda e ela não tem medo de ser notada.

O que vem pela frente?
Atualmente, estou estagiando para Balenciaga, que eu amo! Espero que o estágio me credencie para um trabalho em qualquer etiqueta de luxo no futuro. Gostaria muito de continuar a viver em Paris e trabalhar aqui. E esse tem sido o meu maior sonho há muito tempo. Por enquanto, não vou começar minha própria grife – esse sonho ainda é uma coisa extremamente difícil de alcançar! Está em um futuro um pouco mais distante.

Termo de uso

TERMO DE AUTORIZAÇÃO DO USO E DE PUBLICAÇÃO DE TEXTOS E IMAGENS
Os termos e condições abaixo se referem à utilização dos textos e imagens disponibilizados pelo visitante/usuário ao site da ABOUT SHOES. O visitante/usuário  declara-se apto a participar de interatividades, com o objetivo de contribuir com o envio de material, como fotos, conteúdo, informações, textos, frases, entre outros, e que por iniciativa própria aceita e se responsabiliza pela autoria e originalidade do material enviado ao site de ABOUT SHOES. O visitante também se responsabiliza pela obtenção de autorização de terceiros que eventualmente seja necessária para os fins desejados, respondendo dessa forma por qualquer reivindicação que venha a ser apresentada à ABOUT SHOES, judicial ou extrajudicialmente, em relação aos direitos intelectuais e/ou direitos de imagem, ou ainda por danos morais e/ou materiais, causados a ABOUT SHOES, About Editora ou a terceiros por força da presente autorização. Assim, por ocasião do acesso ao site e do envio de informações e imagens, o visitante/ usuário autoriza e está ciente que o site de ABOUT SHOES, bem como a Revista ABOUT SHOES, poderão utilizar, em caráter irrevogável, irretratável, definitivo, gratuito, seu nome, sua imagem, bem como dos textos enviados, no site e na revista impressa, em fotos, cartazes, filmes e/ou spots, jingles e/ou vinhetas, em qualquer tipo de mídia, peças promocionais e campanhas on-line, para a divulgação do site e do Portal, no Brasil e no exterior, bem como para outros fins que desejar, sem limitação de vezes ou número de vezes, bem como o de autorizar sua utilização por terceiros, no todo ou em parte. Entre os direitos da ABOUT SHOES incluem-se, também, os de adaptação, condensação, resumo, redução, compilação e ampliação dos textos e imagens objeto deste termo. Todas as informações de usuários coletadas pela equipe de ABOUT SHOES são confidenciais, sendo intransferíveis, e somente poderão ser fornecidas a terceiros mediante orientação legal ou a terceiros, devidamente autorizados pela Revista ABOUT SHOES e About Editora. Os termos da autorização do uso e de publicação de textos e imagens entre as partes serão regidos e interpretados de acordo com as Leis da República Federativa do Brasil. O visitante/ usuário concorda expressamente em submeter-se à competência única e exclusiva dos tribunais brasileiros e, em especial, ao Foro da Comarca de Novo Hamburgo, Estado do Rio Grande do Sul, para dirimir quaisquer questões oriundas deste instrumento.

Comente esta matéria

4181 comentários

Concordo com o termo de uso.
Dtdmwcfi

telefonsex is merely a" very good movie called G., telefonsex, zwjtmt,

vpqrylgqgq@gmail.com

Thanks for these guidelines. One thing I also believe is that often credit charge cards presenting a 0% monthly interest often bait consumers with actually zero rate, instant authorization and easy online balance transfers, but beware of the real factor that can void your own 0% easy road apr and also throw you out into the bad house quick.

http://www.oasislex.com/michaelkors.html

One more thing. In my opinion that there are many travel insurance web sites of respected companies that let you enter your journey details to get you the estimates. You can also purchase the actual international holiday insurance policy on internet through the use of your credit card. Everything you should do is to enter your current travel information and start to see the plans side-by-side. Just find the package that suits your financial allowance and needs after which you can it use your credit card to buy the item. Travel insurance on the internet is a good way to start buying respectable company regarding international travel cover. Thanks for expressing your ideas.

http://www.cayugatrailsclub.org/events/fakeoakleys.php

You have observed very interesting points! ps nice site.

http://www.mindsatwork.com.au/nikefreerun.html

Hey Guys,

veja todos os comentários
Veja mais colunas deste autor:

Gestão | 28.11.2014 | Luciane Bohrer

O fracasso me subiu à cabeça

Gestão | 17.04.2014 | Luciane Bohrer

O melhor de cada um

Architecture | 26.09.2013 | Luciane Bohrer

Il Gufo: luxo para o público infantil

Retail | 02.07.2013 | Luciane Bohrer

L’Eclaireur: moda, conceito e arquitetura em Paris

Art | 01.07.2013 | Luciane Bohrer

Cate Parr: arte e sensibilidade em aquarelas
Assine Lateral 3 - http://www.aboutshoes.com.br/assine
Receba as últimas novidades sobre moda e design.
Copyright © Nove Editora Ltda. Todos os direitos reservados. WT Prime - Conectada à Mudanças